Tipos de Dores

2015-11-13 0

A ortopedia tem no trauma uma lesão frequentemente relatada pelos pacientes, causando dores variáveis em relação à extensão da lesão. Além da dor referente ao trauma ortopédico as cirurgias ortopédicas também são grande causa de dor aos pacientes de procedimentos eletivos (artroscopia de joelho e ombro, cirurgias para correção de hérnias lombares, fixação de fraturas, artroplastias, entre outras).



Tipos de Dores:
Dor nociceptiva: dor periférica, desencadeada após um trauma torcional de tornozelo. Pode ser dividida em dor somática ou visceral.

Dor neuropática: ocorre após uma série repetitiva de estímulos da região medular ou cortical, É a dor relacionada a doenças ou disfunções do sistema nervoso.

Dor crônica está, na maioria das vezes, relacionada a alguma doença crônica. Artrite reumatóide, artrose e esforços repetitivos no trabalho.

Dor aguda é quando aparece e dura um período curto, e não chega a passar de uma semana. Um exemplo? Aquela dor quando o dente está com cárie, a que se sente na hora do infarto, após uma queda ou pancada, a dor que ocorre depois de uma cirurgia, a do trabalho de parto e até mesmo as cólicas tão integrantes do universo feminino.

Bem, todo mundo já sentiu algum tipo de dor na vida e é bem provável também que até o fim de nossos dias, voltaremos a sentir dor algumas vezes. E por que sentimos dor? Toda dor é ruim? E se não sentíssemos qualquer tipo de dor, como seria?

Sentimos dor porque o corpo emite um sinal de alerta para que alguma providência seja tomada a fim de evitar que algo de mais grave aconteça. Ou seja, a dor em si é extremamente importante para que o nosso corpo atue da forma correta e iniba possíveis males que estão a caminho. E isso é evidenciada quando dizemos que até mesmo a morte chega a ser evitada com o aviso da dor.

REF.: DocRoger

Leave A Response »